CRH - Clínica de Reprodução Humana

Inseminação Artificial

Muita gente confunde inseminação artificial com fertilização in vitro por achar que se trata da mesma técnica, mas elas são bem diferentes em método, custo e taxa de sucesso.

A inseminação artificial ou intra-uterina consiste em estimular a ovulação da mulher através de um tratamento hormonal e depois transferir o sêmen (líquido que contém os espermatozoides) previamente colhido e trabalhado em laboratório para a cavidade uterina no momento da ovulação. Com esta técnica, a fecundação ocorre espontaneamente dentro do corpo da mulher.

É um método mais barato e tem um índice de gravidez de cerca de 15%. Para realizar a inseminação é necessário que a mulher possua pelo menos uma trompa saudável. Os casais que se beneficiam desta técnica são os que apresentam alterações no muco cervical, infertilidade inexplicada e alterações leves no esperma.